Navegue em Diretório Empresarial - são 15 categorias e mais de 100 subcategorias com todas as empresas locais!

TURISMO

AUTOMÓVEIS

MODA & BELEZA

SAÚDE

CASA & JARDIM

PROFISSIONAIS

EDUCAÇÃO

INFORMÁTICA

FESTAS & EVENTOS

CONSTRUÇÃO

ALIMENTAÇÃO

ANIMAIS

ENTRETENIMENTO

GASTRONOMIA

HOSPEDAGEM

Museus & Teatros

Casa da Memória

No Centro Histórico de Florianópolis, bem ao lado da Catedral Metropolitana, encontra-se um belo prédio construído na década de 1920 e que serviu para abrigar naquele tempo a sede do Partido Republicano Catarinense.

Na arquitetura desse edifício coexistem vários símbolos pertencentes a estilos arquitetônicos diferentes, formando uma construção de características ecléticas sugerindo riqueza e poder. E é nesse cenário que se encontra instalada nos dias atuais a Casa da Memória de Florianópolis. Um centro de documentação onde são recuperados, organizados, preservados e divulgados registros visuais, sonoros, bibliográficos e documentais relativos à história, memória, identidade e produção cultural da cidade.

A Casa da Memória possui coordenadoria de Patrimônio Cultural da Fundação Franklin Cascaes e é tombada pelo Município e Estado.

Endereço: Rua Padre Miguelinho, 58 - Esquina com A Rua Anita Garibaldi
Telefone: 3333-1322

Casa Natal de Victor Meirelles

Esta visita trará satisfação plena ao seu senso estético. Primeiro, pelo bonito sobrado oitocentista, implantado sobre a rua, quase sem calçada e com largas alvenarias de pedras, tijolos e estuques. Segundo, porque no andar superior ele ainda conserva as românticas alcovas. Terceiro, porque ao admirar os inúmeros esboços e telas do pintor Victor Meirelles (1832-1903), a parte sensível de seu ser entrará em comunhão com o belo e com a genialidade de um grande artista.

Algumas obras do pintor Victor Meirelles de Lima: A primeira missa no Brasil; Batalha de Guararapes; Vista do Desterro (atual Florianópolis).

Ao lado deste museu encontram-se os belos prédios da Antiga Escola Normal e a Academia de Comércio. A casa de Victor Meirelles é tombada pelo Patrimônio Histórico e Artístico Nacional desde 1950.

Endereço: Rua Victor Meirelles, 59
Telefone: 3222-0692



Centro Cultural Bento Silvério

Em 1912 foi construído no Distrito da Lagoa da Conceição um conjunto arquitetônico composto por duas construções; uma reservada para a estação rádio-telegráfica e a outra destinada a abrigar a casa de máquinas.

Em 1914, com a chegada da primeira Guerra Mundial, coincidentemente ou não, a rádio foi desativada. A construção, bem preservada, chega aos dias atuais como única representante da arquitetura do período pós-revolução industrial, na Ilha de Santa Catarina.

Atualmente sedia um posto avançado da Fundação Franklin Cascaes, que promove cursos e oficinas de artes, um lugar onde acontecem várias manifestações culturais e que preserva a história e a memória do povo ilhéu.

Endereço: Rua Henrique Veras do Nascimento N. 50
Telefone: 3232-1514

Centro Integrado de Cultura

O Centro Integrado de Cultura Prof. Henrique da Silva Fontes, foi inaugurado em 1982 com a função de abrigar num mesmo local diversas formas de manifestações culturais e artísticas.

O CIC é vinculado à Fundação Catarinense de Cultura e nele podem ser visitados:
- Teatro Ademir Rosa, com 956 lugares;
- Cineclube Nossa Senhora do Desterro, com 187 lugares;
- MASC - Museu de Arte de Santa Catarina, o terceiro museu do Brasil, com quase 2000m2 e mais de 1100 obras de arte brasileira. O museu possui também em seu acervo, uma excelente retrospectiva da arte catarinense;
- MIS - Museu da Imagem e do Som

O CIC abriga ainda o Conselho Estadual de Cultura, a Academia Catarinense de Letras, a Orquestra Sinfônica do Estado, o Ateliê de Conservação e Restauração de Bens Móveis, e as oficinas permanentes de arte, levando cultura a todos os cidadãos catarinenses. São 9.993 metros quadrados com o que de mais expressivo se produz em arte na cidade e no Estado.

Endereço: Av. Governador Irineu Bornhausen, N. 5600
Telefone: 3853-2300

Eco-Museu do Ribeirão da Ilha

Um Eco-museu tem por finalidade preservar e mostrar um bem, identificando sua concepção, guardando todas as linhas originais, seja numa construção material, seja na relação com o ecossistema ou seja em sua função sócio-cultural.

O Eco-museu do Ribeirão da Ilha tem como uma de suas metas preservar as bases da cultura açoriana produzidas na área rural de Santa Catarina. O Museu encontra-se instalado numa casa de 1921, com ambientes que recriam a colonização açoriana, reunindo móveis antigos, peças sacras e folclóricas e relíquias eletrônicas. Ao lado da casa pode-se conhecer um típico engenho de farinha, que ainda abriga o maquinário original com o qual se fabricava artesanalmente a farinha de mandioca.

O Eco-museu possui também um auditório onde são promovidas palestras, cursos e mostras de vídeos culturais. A Pousada e restaurante do Museu completam o conjunto arquitetônico com bela visão da praia.

Endereço: Rodovia Baldicero Filomeno, 10106
Telefone: 3237-8148

Museu de Armas Major Antonio de Lara Ribas

Ao visitar o grandioso Forte Santana não deixe de visitar o Museu de Armas. As crianças e os adultos vão adorar conhecer as antigas armas ali expostas, o fardamento de diversas épocas e o singelo carro-pipa de combate a incêndios.

O Forte Santana revela de maneira expressiva o sistema de defesa da Ilha de Santa Catarina e o Museu de Armas desvenda para os olhos civis, um pouco da história do material bélico deste lugar.

Endereço: Rua Oswaldo Rodrigues Cabral, 525 - Próximo a Ponte Hercílio Luz
Telefone: 3229-6263


Museu do Homem do Sambaqui

Uma visita ao Colégio Catarinense é programa obrigatório a quem chega à Florianópolis. É impossível ficar imune à imponência do centenário edifício. Dentro da área do Colégio, é possível conhecer a bela Capela de Santa Catarina de Alexandria com seus enormes vitrais e principalmente descobrir o mundo da arqueologia através do Museu do Homem do Sambaqui.

O Museu começou a tomar forma em 1964 pelas mãos do Padre João Alfredo Rohr e hoje possui um dos maiores acervos arqueológicos do Brasil. Como destaque temos: inscrições rupestres; esqueletos e urnas funerárias retirados de sítios arqueológicos na Ilha de Santa Catarina e no interior do Estado. As peças datam de 4 a 8 mil anos.

As crianças vão adorar a área de zootecnia, com várias espécies de animais taxidermizados. O Colégio é Patrimônio do Município e o museu é Patrimônio Estadual e Federal.

Endereço: Rua Esteves Jr., 711
Telefone: 3251-1516

Museu Histórico de Santa Catarina

Você já viu um palácio cor-de-rosa, parecendo cenário de um filme de época? Pois ele existe e está localizado na Praça XV de Novembro. É o Palácio Cruz e Souza, onde se encontra o Museu Histórico de Santa Catarina.

Vamos lá! Encare esse museu! Você vai se surpreender ao conhecer um palácio rico em história, mobiliário, arte e beleza.

Se prepare, pois nele encontrará: escadaria em mármore de Carrara, estátuas de cavaleiros medievais em bronze, assoalhos trabalhados em marchetaria, salas com mobiliário do século XIX e um imenso e esplendoroso vitral art-nouveau


Endereço: Praça XV de Novembro, 227
Telefone: 3028-8091


Teatro Álvaro de Carvalho

Se você está acostumado a freq entar teatros em outras plagas, vai adorar conhecer o Teatro Álvaro de Carvalho. Logo ao entrar, se sentirá envolvido pela magia e mistério que as antigas salas de espetáculos ainda possuem.

Inaugurado em 1875 como Teatro Santa Isabel (em homenagem à Princesa Isabel), recebeu em 1894 o nome de Teatro Álvaro de Carvalho em deferência ao primeiro dramaturgo local, mas também em reconhecida atitude de rompimento com o sistema monárquico brasileiro.

Edifício imponente, esta sala de espetáculos exerceu grande importância sócio-cultural na cidade e abriga em seu "foyer", duas telas imensas do artista plástico Martinho de Haro.Com capacidade para 400 lugares recebe espetáculos de todo o país.

Endereço: Praça Pereira Oliveira Esquina com Rua Marechal Guilherme
Telefone: 3028-8070

Teatro da Ubro

Enquanto a Semana de Arte Moderna surpreendia o país em 1922, em Florianópolis acontecia a fundação da União Beneficente Recreativa Operária, UBRO.

A Associação desenvolvia atividades sempre na busca pelos direitos da classe trabalhadora. Nesse sentido, em 1931, inaugurou sua sede, no centro histórico da capital, dando início às funções do primeiro teatro destinado à classe trabalhadora de Santa Catarina.

Em 1993 o edifício da UBRO ruiu, mas a sua fachada permaneceu incólume sendo então incorporada a um novo edifício. O Teatro da UBRO sedia atualmente sala de espetáculos com capacidade para 100 pessoas em ambiente acolhedor, com administração da Fundação Cultural Franklin Cascaes.

Endereço: Escadaria da Rua Pedro Soares, 15
Telefone: 3222-0529